Quem somos

 

As famílias das crianças e jovens com perturbações do neurodesenvolvimento são diariamente confrontadas com dificuldades intermináveis, algumas inerentes à perturbação específica, outras resultantes da escassez de recursos no meio envolvente. Outras ainda de dificuldades de comunicação e/ou de informação. Tudo isto desemboca, na maioria das vezes, numa sensação de impotência e de incompreensão, que multiplicam a dimensão de um problema que é desde o início tão significativo.
Da partilha de inquietações e esperanças mútuas, surgiu a Associação Pais e Amigos Habilitar (APAH) constituída em abril de 2017, como meio agregador e multiplicador de vontades, aberto à participação de qualquer cidadão interessado na causa da inclusão de crianças e jovens portadores de Perturbações do Neurodesenvolvimento.

Entre os sócios fundadores da APAH, encontram-se pais, amigos e profissionais de saúde ligados ao tema das Perturbações do Neurodesenvolvimento. A estes têm vindo a juntar-se outros, que partilham das suas preocupações concretas, e se constituem como elementos ativos na prossecução dos objetivos inerentes à necessidade de HABILITAR, não apenas de crianças e jovens com Perturbação do Neurodesenvolvimento (PND), mas todos os que se cruzam no seu percurso. O Habilitar, originariamente criado como um Centro de Desenvolvimento Infantil e Juvenil da Santa Casa da Misericórdia de Aveiro, foi criado para proporcionar uma intervenção multidisciplinar a crianças e jovens com Perturbações do neurodesenvolvimento, pretendendo iniciar um movimento local gerador
de ferramentas. A Associação Pais e Amigos Habilitar nasceu para facilitar esse caminho.

Atualmente, o Habilitar, enquanto local de intervenção terapêutica, é apenas um dos projetos desta Associação onde a INCLUSÃO surge como objeto principal.